Pular para o conteúdo

Como tratar psoríase: Dicas Eficazes para Aliviar

como tratar psoriase

Saiba como tratar psoríase através de algumas dicas e cuidados especiais, essa doença é uma condição crônica da pele que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. As células da pele se acumulam rapidamente na superfície, formando manchas vermelhas e escamosas. Embora a causa exata da psoríase não seja conhecida, sabe-se que a idade e a genética podem desempenhar um papel importante no desenvolvimento da doença.

Os sintomas da psoríase podem variar de pessoa para pessoa, mas geralmente incluem manchas vermelhas e escamosas na pele, coceira, dor e descamação. A psoríase pode afetar qualquer parte do corpo, incluindo as mãos, os pés, o couro cabeludo e os genitais. Embora a psoríase não seja contagiosa, pode ter um impacto significativo na qualidade de vida de uma pessoa, afetando sua autoestima e bem-estar emocional.

Embora não haja cura para a psoríase, você deve saber que existem algumas opções de como tratar a psoríase, para assim, te ajudar a controlar os sintomas e melhorar a qualidade de vida. Estes podem incluir medicamentos tópicos, terapia de luz, medicamentos orais e injeções. A escolha do tratamento dependerá da gravidade da psoríase, da idade e da saúde geral da pessoa afetada. É importante que as pessoas com psoríase trabalhem em estreita colaboração com seus médicos para encontrar o melhor tratamento para suas necessidades individuais.

Compreendendo a Psoríase

A psoríase é uma doença de pele crônica que afeta cerca de 2% da população mundial. Ela se caracteriza pela formação de lesões avermelhadas e descamativas na pele, que podem coçar e arder. Embora não seja contagiosa, a psoríase pode ser bastante incômoda e afetar a autoestima do paciente.

Tipos de Psoríase

Existem vários tipos de psoríase, sendo os mais comuns a psoríase em placas e a psoríase gutata. A psoríase em placas é a forma mais comum e se caracteriza por lesões avermelhadas e descamativas que aparecem em diversas partes do corpo, como cotovelos, joelhos, couro cabeludo e região lombar. Já a psoríase gutata é mais rara e se manifesta através de pequenas manchas vermelhas espalhadas pelo corpo.

Causas e Fatores de Risco

A psoríase é uma doença complexa e sua causa exata ainda não é conhecida. Sabe-se que fatores genéticos e ambientais podem desempenhar um papel importante no seu desenvolvimento. Alguns fatores de risco incluem idade, tabagismo, obesidade, estresse e infecções.

Sintomas e Diagnóstico

Os sintomas da psoríase podem variar de pessoa para pessoa, mas geralmente incluem lesões avermelhadas e descamativas na pele, coceira e dor. O diagnóstico da psoríase é feito através de exame clínico e, em alguns casos, biópsia da pele. É importante que o diagnóstico seja feito por um dermatologista experiente para que o tratamento adequado possa ser prescrito.

Opções de Tratamento

Existem diversas opções para saber como tratar psoríase, a qual variam de acordo com a gravidade e extensão da doença. Algumas das opções mais comuns incluem medicamentos tópicos, terapias sistêmicas, fototerapia, helioterapia e dermocosmético.

como tratar psoriase

Medicamentos Tópicos

Os medicamentos tópicos são aplicados diretamente na pele e podem ajudar a reduzir a inflamação e a coceira associadas à psoríase. Algumas opções incluem pomadas e cremes contendo corticoides, tazaroteno, análogos da vitamina D, e calcineurina inibidores. É importante seguir as instruções de uso cuidadosamente e informar o médico caso ocorram efeitos colaterais.

Terapias Sistêmicas

As terapias sistêmicas são medicamentos que são tomados por via oral ou injetados. Eles são geralmente prescritos para casos mais graves de psoríase que não respondem a outros tratamentos. Alguns exemplos incluem biológicos, metotrexato e ciclosporina. Esses medicamentos podem ter efeitos colaterais significativos e devem ser monitorados de perto por um médico.

Fototerapia e Helioterapia

A fototerapia e a helioterapia envolvem a exposição controlada à luz ultravioleta. Isso pode ajudar a reduzir a inflamação e a coceira associadas à psoríase. A fototerapia é geralmente realizada em um consultório médico, enquanto a helioterapia envolve a exposição ao sol. É importante seguir as instruções do médico cuidadosamente e usar protetor solar para evitar danos à pele.

Em geral, o tratamento da psoríase é um processo individualizado e pode exigir tentativa e erro para encontrar a combinação certa de tratamentos. É importante trabalhar em estreita colaboração com um médico para desenvolver um plano de tratamento eficaz e seguro.

Cuidados Diários e Estilo de Vida

A psoríase é uma condição crônica que pode afetar a autoestima e a qualidade de vida das pessoas. Embora não haja cura para a psoríase, existem cuidados diários e mudanças no estilo de vida que podem ajudar a controlar os sintomas e melhorar a qualidade de vida.

Hidratação da Pele

Manter a pele hidratada é uma parte importante do tratamento da psoríase. Hidratantes podem ajudar a reduzir a coceira e a descamação da pele. É importante escolher um hidratante que seja livre de fragrâncias e corantes, pois esses ingredientes podem irritar a pele.

Além disso, tomar banhos ou duchas mornas e usar sabonetes suaves também pode ajudar a manter a pele hidratada. Evite banhos quentes e sabonetes agressivos, pois eles podem ressecar a pele.

Dieta e Nutrição

Embora não haja uma dieta específica para a psoríase, algumas pessoas podem achar que certos alimentos pioram seus sintomas. É importante manter uma dieta saudável e equilibrada para ajudar a controlar a psoríase e manter a saúde geral.

Alguns alimentos que podem ajudar a reduzir a inflamação no corpo incluem frutas e legumes, peixes ricos em ômega-3, como salmão e sardinha, e alimentos ricos em antioxidantes, como nozes e sementes.

Manejo do Estresse

O estresse pode desencadear ou piorar os sintomas da psoríase. É importante encontrar maneiras de gerenciar o estresse, como a prática de exercícios físicos, meditação ou ioga.

Além disso, é importante ter um bom suporte emocional, seja por meio de amigos e familiares ou de um profissional de saúde mental. Participar de grupos de apoio também pode ajudar a lidar com os desafios da psoríase.

Tratamento de Complicações

A psoríase pode afetar não apenas a pele, mas também as articulações e unhas. Além disso, a condição pode aumentar o risco de comorbidades em alguns pacientes. Por isso, é importante saber como tratar a psoríase e essas complicações adequadamente.

Psoríase nas Articulações e Unhas

A psoríase pode causar inflamação nas articulações, o que é conhecido como artrite psoriática. Isso pode levar a dor, rigidez e inchaço nas articulações. O tratamento pode envolver medicamentos anti-inflamatórios, imunossupressores e fisioterapia.

A psoríase também pode afetar as unhas, causando manchas, descoloração e deformidades. O tratamento pode envolver medicamentos tópicos, orais ou injetáveis, dependendo da gravidade da condição.

Psoríase e Comorbidades

Pacientes com psoríase podem ter um risco aumentado de comorbidades, como obesidade, diabetes, doenças cardiovasculares e depressão. Por isso, é importante monitorar e tratar essas condições com a ajuda de um médico.

Alguns fatores de estilo de vida, como o consumo de álcool e tabagismo, também podem piorar a psoríase e aumentar o risco de comorbidades. Por isso, é importante evitar esses hábitos e adotar um estilo de vida saudável.

Em resumo, o tratamento de complicações da psoríase deve ser personalizado para cada paciente, levando em consideração a gravidade da condição e a presença de comorbidades. Com o tratamento adequado, é possível controlar os sintomas e melhorar a qualidade de vida dos pacientes.

Suporte e Qualidade de Vida

Apoio Psicológico

Pessoas com psoríase muitas vezes sofrem com baixa autoestima e ansiedade. Por isso, é importante que haja suporte psicológico disponível para aqueles que precisam. O SUS oferece atendimento psicológico gratuito para pacientes com psoríase, o que pode ajudá-los a lidar melhor com a condição e melhorar sua qualidade de vida.

Além disso, existem grupos de apoio que podem ser uma ótima opção para quem quer se conectar com outras pessoas que também têm psoríase. Esses grupos oferecem um ambiente seguro e acolhedor para compartilhar experiências e aprender com outras pessoas que passam pelo mesmo problema.

Educação sobre a Condição

É importante que os pacientes com psoríase recebam informações precisas sobre a condição para que possam cuidar melhor de si mesmos. O SUS oferece informações sobre a psoríase em seus centros de saúde, e existem muitos recursos online disponíveis para quem quer aprender mais sobre a condição.

Os pacientes também devem ser educados sobre como cuidar de sua pele e evitar desencadeadores da psoríase, como estresse e certos alimentos. Com a educação adequada, os pacientes podem ter mais controle sobre sua condição e melhorar sua qualidade de vida.

Novidades e Pesquisas

A psoríase é uma doença crônica da pele que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Felizmente, a pesquisa tem avançado na busca por novas formas de tratamento. Nesta seção, serão apresentadas algumas das novidades e pesquisas mais recentes sobre o assunto.

Biológicos

Os biológicos são uma classe de medicamentos que agem diretamente no sistema imunológico, bloqueando as substâncias responsáveis pela inflamação na pele. Eles têm se mostrado eficazes no tratamento da psoríase em placas moderada a grave, especialmente em pacientes que não respondem a outras terapias.

Análogos da Vitamina D

Os análogos da vitamina D são medicamentos que imitam a ação da vitamina D no organismo. Eles são usados para reduzir a inflamação e a descamação da pele na psoríase. Embora sejam menos potentes que os biológicos, eles são uma opção de tratamento segura e eficaz para muitos pacientes.

Pesquisa

A pesquisa sobre a psoríase tem avançado rapidamente nos últimos anos. Novos medicamentos e terapias estão sendo desenvolvidos para tratar a doença, incluindo terapias com células-tronco e terapia fotodinâmica. Além disso, estudos recentes têm investigado a relação entre a psoríase e outras condições, como doenças cardíacas e diabetes.

Dermatologia

A dermatologia é a especialidade médica que se dedica ao diagnóstico e tratamento de doenças da pele. Os dermatologistas são os profissionais mais indicados para tratar a psoríase, já que a doença afeta diretamente a pele. Eles podem prescrever medicamentos tópicos, orais ou injetáveis, dependendo da gravidade da doença.

Sistema Imunitário

A psoríase é uma doença autoimune, ou seja, é causada por uma resposta anormal do sistema imunológico do corpo. Por isso, muitos dos tratamentos para a psoríase visam modificar ou suprimir a resposta imunológica. No entanto, é importante lembrar que o sistema imunológico desempenha um papel importante na defesa do corpo contra infecções e outras doenças, e que a supressão imunológica pode ter efeitos colaterais indesejados.

Segue vídeo com mais dicas de como aliviar os sintomas da Psoríase.

Mais
artigos

Inscreva-se na nossa newsletter para acompanhar todo o conteúdo sobre as

Doenças da Pele!